O patense Rafael Nascimento encerra Karate1 Series A do Chile em 7º lugar

logo-face
logo-face
O patense Rafael Nascimento encerra Karate1 Series A do Chile em 7º lugar

O Brasil encerrou no último domingo sua participação na etapa de Santiago, no Chile, do circuito Karatê 1 Series A e o Karateca Rafael Nascimento, de Patos de Minas foi um dos atletas presentes na competição internacional.

Rafael Nascimento (-60Kg), terminou em 7º lugar em uma categoria que contou com 65 atletas. Sua estreia na competição foi no sábado, 22 de setembro, contra um Costa Riquenho por 4 x2, em seguida venceu por 3x1 um atleta dos Estados Unidos, pela terceira rodada realizou uma luta acirrada com o 3º do ranking mundial e no descuido, sofreu um ippon, perdendo por 4-1. O atleta venceu em seguida e puxou Rafael, para a disputa da repescagem.

No domingo, Rafael Nascimento voltou ao tatame novamente com chances de lutar por um bronze, precisava de garantir 3 vitórias e começou bem vencendo por 4 x1 na decisão dos árbitros (hantei) um karateca da Itália, em seguida começou vencendo por 1 x 0 um atleta do Japão, mas não conseguiu ampliar o placar, sofrendo assim o empate e em seguida perdendo por decisão dividida 3 x 2, perdendo assim a oportunidade de lutar pelo bronze e encerrando sua participação em 7º lugar.

“Saio desta competição feliz por mais uma vez ter chegado muito longe e mantendo uma constância boa. Finalmente tenho me encontrado dentro do tatame e conseguindo disputar de igual pra igual com os primeiros do ranking mundial. Sei que o que me separa deles são detalhes, que já estão sendo ajustados. Agora é voltar, focar na preparação para o Brasileiro e buscar apoio para tentar disputar a última etapa da Liga Mundial de 2019 na Espanha”, disse o atual 45º do ranking Mundial.

Agora, Rafael retorna para Patos de Minas onde seguirá os treinamentos visando a disputa da etapa final do Campeonato Brasileiro, que será realizada em outubro e também segue na busca por apoiadores, para que possa continuar, na busca pela evolução no ranking mundial.

Foto: arquivo pessoal. 

Comentários