Covid-19: festas particulares e bares são as principais denúncias

logo-face
logo-face
Covid-19: festas particulares e bares são as principais denúncias

A força-tarefa para fiscalizar o desrespeito às normas de enfrentamento à Covid-19, com o apoio da Polícia Militar, começou a atuar na última sexta-feira (26). Do início das atividades, às 18h, até a meia-noite de domingo, cinco festas particulares e dez bares foram notificados. Um deles, localizado na Rua Onaldo Lima, no Jardim Céu Azul, foi interditado por 15 dias. 

Conforme o coordenador das ações de fiscalização, Rafael Godinho Nogueira, os eventos e as atividades dos estabelecimentos notificados foram encerrados de imediato. O canal de WhatsApp criado para essa finalidade recebeu mais de 260 denúncias nas primeiras 50 horas de funcionamento da força-tarefa, sendo 80% delas relativas a festas particulares e bares.

Durante a tarde desta segunda-feira (29), somente a Ouvidoria do município recebeu mais de 20 denúncias por telefone, sendo elas encaminhadas à fiscalização. Entre os estabelecimentos mais denunciados hoje estão autoescolas, barbearias e papelarias, todas três descritas como não essenciais na onda verde do Plano Minas Consciente, do Governo de Minas Gerais.  

O telefone fixo da Ouvidoria, 3822-9115, recebe chamados das 8h às 17h. O número do WhatsApp é o mesmo, e o aplicativo funciona 24 horas por dia. 

Comentários