O saudável esporte nas Escolinhas patenses

24/06/2016 16:48:05

Adamar Gomes


É chover no molhando considerar que o trabalho de base nos clubes de futebol tem importância fundamental. Logicamente, dentro de parâmetros aceitáveis como uma boa estrutura física e uma equipe de trabalho afinada, contando com um especialista em futebol, mas que tenha uma liderança do grupo e, dentro das possibilidades, contar com preparadores físicos, nutricionistas, até psicólogos e assistentes sociais.

A organização é a base de tudo para que o resultado venha lá na frente, diferentemente daquele projeto que já começa fracassado, como ficar traves num gramado e “vamo que vamo”.

Em Patos de Minas e região, as dificuldades não são menores do que qualquer outro lugar, mas as Escolinhas estão aí, em pleno funcionamento, graças ao arrojo dos seus monitores, abrigando garotos do chupetinha ao infantil, ou até mais, na prática saudável do esporte, caminhando junto com as lições escolares, no esforço para ter o melhor aproveitamento possível nos dois campos e deixar de lado o ócio, e até coisas piores como a droga.

Já dizia o mestre Luiz Alberto, que nos deixou há pouco: “O jovem precisa praticar esporte e estudar, deixando de lado outras coisas desagradáveis”. Na escolinha vem a convivência social, o cuidado com a saúde e verdadeiras lições de vida, como comemorar vitórias e aceitar as derrotas. Isso mesmo, todos temos que saber perder e aprender com as derrotas, para melhorarmos lá na frente.

Importante salientar as promoções promovidas pela Liga Patense de Desportos, para dar oportunidade a que os atletas possam competir e mostrar serviço. Somente os treinamentos não seriam eficazes para crescimento do atleta. É na competição que haverá a troca de experiências, o momento de confrontar com o adversário e aprender mais um pouco.

Inúmeros jovens foram revelados para equipes profissionais, não só do Brasil como do exterior, também. Lembrando também que as Escolinhas acolhem jovens que vão progredir, vão se tornar profissionais e aqueles que vão para puro lazer e nem por isso merecem menor respeito. O importante é prática do esporte.



Adamar Gomes - radialista e jornalista, atua no Sistema Clube de Rádio. É narrador esportivo e chefe da equipe Bola na Rede da Rádio Clube. Participa do Liberdade nos Esportes. Publica notícias do esporte no site AG Esporte e Clube Notícia.