Campanha positiva

02/08/2016 16:39:43

Adamar Gomes


Eu digo que valeu!!! Mesmo com a derrota em Volta Redonda, a URT deixou a sua marca na Série D do campeonato brasileiro. Desacredito no início, o Trovão Azul atropelou o Goianésia com duas goleadas, eliminou o campeão capixaba e esbarrou numa equipe muito bem estruturada, que é o Voltaço, com experiência em competições desse tipo. Mesmo assim, a Celeste mostrou serviço, com os dois empates em casa, um em cada fase da competição, oportunidade em que poderia ter chegado à vitória e as duas derrotas no Estádio da Cidadania, em que o adversário, principalmente no segundo jogo, fez por onde chegar à conquista de uma vaga para seguir rumo à terceira fase da competição.

Para a URT valeu pelo aprendizado, a experiência dada aos jovens atletas comandados pelo Magela; valeu pela oportunidade de observar jogadores visando à temporada de 2017, quando virão o campeonato mineiro, a copa do brasil e a série D; valeu pela ousadia de enfrentar uma competição em nível nacional e não ter dado vexame, vexame esse que vinha sendo apregoado por vários palpiteiros do futebol; valeu pelas parcerias conseguidas e que poderão ter continuidade nas próximas investidas.

E parcerias são importantes no futebol da atualidade. São elas que fazem o time andar e ter condições de sobreviver não só por três ou quatro meses por ano.

Cabe agora à diretoria analisar tudo o que foi feito, os pontos positivos e negativos, mais positivos do que negativos (ao meu ver). O ano de 2016 fica na história como o da conquista do título do interior, no Estadual, e a participação pela primeira vez na Série D. Antes a URT havia inserido seu nome na Série C e por três vezes na Copa do Brasil. Valeu!!!



Adamar Gomes - radialista e jornalista, atua no Sistema Clube de Rádio. É narrador esportivo e chefe da equipe Bola na Rede da Rádio Clube. Participa do Liberdade nos Esportes. Publica notícias do esporte no site AG Esporte e Clube Notícia.