Denúncia leva PM a localizar pistolas automáticas e munições; pai e filho vão parar na delegacia

logo-face
logo-face
Denúncia leva PM a localizar pistolas automáticas e munições; pai e filho vão parar na delegacia

A Polícia Militar apreendeu na tarde desta quarta-feira (11/09), três armas de fogo, durante abordagem a duas caminhonetes HILUX, que trafegavam pela BR-354. Os veículos foram interceptados próximo à comunidade de Campina Verde, no município de Lagoa Formosa, sendo que, durante buscas dentro dos automóveis, os militares encontraram as pistolas. Pai e filho assumiram serem os donos das armar foram conduzidos por porte ilegal de arma de fogo.

De acordo com informações do Capitão Alexandre, a PM recebeu informações de que as duas HILUX haviam passado na cidade de Arapuá, onde os ocupantes pediram informações de como se chegava a Lagoa Formosa.  Com isso, desconfiadas, algumas pessoas acabaram acionando a Polícia Militar.

Assim, a Polícia Militar deu início aos rastreamentos, na tentativa de localizar e abordar esses veículos. Em seguida, as caminhonetes passaram pelo Posto de do Grupamento da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), no município de Carmo do Paranaíba, quando foram visualizadas pelos militares que estavam no local, sendo que neste momento, os policiais passaram a acompanhar os automóveis.

Já a poucos quilômetros de Lagoa Formosa, próximo à comunidade de Campina Verde, os motoristas das duas HILUX foram abordadas. Durante os procedimentos de buscas, foram localizadas 3 pistolas, sendo duas 380 e uma 635. Ainda foram encontradas dezenas de munições e um coldre. Nas caminhonetes haviam 6 ocupantes, mas apenas dois disseram que seriam os proprietários das armas.

Em conversa com os autores, os homens mostraram os registros das armas, que são exclusivamente para guias de tráfego (para irem até stands de tiros). Mas foi apurado que eles também estavam olhando fazendas na zona rural e de posse das armas, o que é proibido. Os abordados disseram que são da cidade de Itaúna, na região Centro-Oeste do estado, mas que se dirigiam para a cidade de Paracatu, com o intuito de praticar tiro.

Diante dos fatos, os policiais conduziram para a delegacia,Mario Niceu de Camargos 71 anos e  filho Mario José Junior de Camargos 39 anos. Eles foram entregues ao delegado de plantão, juntamente com as armas e as munições apreendidas. Pai e filho falaram que não há nada de errado e que tudo está regular com os registros apresentados.

Ouça a entrevista com Capitão Alexandre

Fonte: Wanderlei Gontijo /Fotos: Toninho Cury

Comentários