Mesmo com intervenções de recuperação, igreja de Santana de Patos continua fechada para celebrações

logo-face
logo-face
Mesmo com intervenções de recuperação, igreja de Santana de Patos continua fechada para celebrações

Construída na segunda metade do século XIX, a igreja de Santana de Patos é um dos bens mais antigos construídos no município de Patos de Minas ainda de pé, mas que vem sofrendo com a ação do tempo. Tombada pelo patrimônio histórico desde 1998, o local passou por diversas intervenções, mas ainda guarda muito de sua característica original. Em 2017, a igreja de Santana de Patos foi interditada pelos bombeiros e desde então não são realizadas mais celebrações no local. Um laudo de uma vistoria feita pela Defesa Civil a pedido pelo Ministério Público apontou diversos problemas na estrutura, principalmente nos pilares de sustentação que são de madeira, além de problemas na parte elétrica entre outros.

No ano passado, depois da aprovação do Conselho Deliberativo do Patrimônio Histórico e Cultural foram repassados a ACEST - Associação Cultural Educativa Santa Terezinha em Santana, recursos para intervenção na igreja. O valor foi de R$ 80.000,00 mil reais, sendo metade da Mitra Diocesana, dona do imóvel, e a outra metade do poder público municipal, conforme determinação do Ministério Público, através de uma liminar judicial, para ações emergenciais na igreja e projetos de restauração.

Em entrevista a Rádio Clube98, o secretário da ACEST, Alexandre Matos, disse que aos poucos, o trabalho de recuperação vem sendo realizado. “Em maio fizemos a descupinização do local, reparo do telhado, revisão do escoramento provisório e outros serviços emergenciais”, disse. Mesmo assim, a igreja continua fechada e as celebrações realizadas semanalmente em um salão na comunidade.  Não há previsão de reabertura do templo que ainda depende de repasse de mais recursos para os reparos.

Por: redação Clube Notícia.

Fotos: PinguinQueVoa. 

Comentários