Formatura dos alunos do Projeto Samuzinho acontece na próxima sexta-feira (12)

logo-face
logo-face
Formatura dos alunos do Projeto Samuzinho acontece na próxima sexta-feira (12)

Na próxima sexta-feira (12) será realizada a formatura dos alunos do Projeto de Formação de Primeiros Socorristas - Samuzinho. O projeto, que já realizado em 2009 e 2010, foi retomado no primeiro semestre deste ano e envolveu cerca de 90 alunos do 7º ano de três escolas municipais de Patos de Minas: Professor Aristides Memória, Norma Borges Beluco e Prefeito Jacques Corrêa da Costa. Os alunos que participarão da formatura na sexta-feira pertencem à quinta turma a receber a formação do Projeto Samuzinho, sendo que as quatro primeiras turmas participaram do projeto nos anos de 2009 e 2010.

O trabalho desenvolvido foi possível a partir de uma parceria entre as secretarias municipais de Educação e de Saúde. As atividades programadas para serem aplicadas durante o projeto, incluídas dentro da disciplina de ciências, se desenvolveram em 10 módulos-aula de 50 minutos cada. As aulas, ministradas por equipes de profissionais do Samu juntamente com alunos do curso de Medicina do Centro Universitário de Patos de Minas (Unipam), centraram-se em algumas exposições teóricas e em diversas atividades práticas cuja temática foi à formação em primeiros socorros.

O coordenador geral do Samu, Alexander Gonçalves de Souza, destacou que o projeto não se limita a uma palestra sobre primeiros socorros, mas que se trata de um curso em que os alunos estudam a parte teórica, por meio de uma apostila elaborada especialmente para o projeto, e a parte prática, recebendo lições de técnicas de primeiros socorros. Alexander Gonçalves afirmou também que o projeto prevê a formação de mais turmas e também de professores de ciências cujo trabalho será, futuramente, dar continuidade a esse tipo de formação. 

O Samuzinho é uma ação que visa ensinar práticas de primeiros socorros, mas, acima de tudo, possibilitar que os alunos sejam capazes de identificar situações-problema e saibam que atitude tomar, seja por meio do pedido de ajuda ou do relato do problema identificado, de modo que pessoas sejam ajudadas e vidas possam ser salvas. "O objetivo principal do projeto não é formar super-heróis, mas levar os alunos a perceber que, com pequenas ações, mesmo que não seja por meio de procedimentos sofisticados, é possível salvar vidas", ressaltou Alexander Gonçalves.

A formatura dos alunos participantes do projeto no primeiro semestre acontecerá na sexta-feira (12), às 8h30min, no Auditório do Bloco N do Unipam.

Fonte: Ascom/Prefeitura

Comentários