Vitória da URT em sua despedida da Série D 2019

logo-face
logo-face
Vitória da URT em sua despedida da Série D 2019

URT bateu o Ituano por 1×0 e encerrou sua participação na Série D do Campeonato Brasileiro, na noite deste domingo, no Estádio ” Zama Maciel”, pela última rodada da primeira fase. O Trovão já entrou pro jogo sem chance de classificação e conseguiu sua primeira vitória na competição deste ano.

Kaio Wilker, que havia marcado em Taguatinga contra o Brasiliense, conferiu novamente, de cabeça, um golaço de cabeça, escorando cruzamento de Jean, da direita.

URT mereceu a vitória. Nada menos que quatro boas oportunidades no primeiro tempo. Gilson acertou a trave; Kaio Wilker bateu forte e o goleiro mandou prá escanteio; Henrique quase marcou, mas Pegorari mandou prá fora; Júlio Lopes cobrou falta e outra vez chegou próximo ao gol. O Ituano não finalizou na etapa inicial.

No segundo templ, a URT continuou tentando e marcou o seu gol aos 15min, com Kaio Wilker. Depois disso o Ituano chegou em algumas oportunidades, mas chutando de longe. URT ainda teve uma boa jogada de Ingro. No final, 1×0 para o Trovão Azul, merecido. E terminou a Série D para a equipe patense, enquanto o Ituano segue para a segunda fase, juntamente com o Brasiliense, como representantes do grupo A13.

URT

Arthur (CA), Jean (CA), Henrique Mota, Éwerton e Cortez; Gilson, Murilo (CA), Kaio Wilker (Mirrai) e Júlio Lopes; Michel (Ian Augusto) e Ingro (Yan Gomes). Treinador: Rodrigo Fonseca.

ITUANO

Pegorari, Pacheco, Mateus, Leo Rigo e Salomão (CA); Felipe, Marcelinho (Maicon), Corrêa (CA) e Marquinho (Léo Augusto); Claudinho (Angelotti) e Gui Mendes. Treinador: Vinícius Bergantin.

Árbitro: José Henrique de Azevedo Júnior; assistentes: Ivanildo Gonçalves da Silva e Raelson Almeida; 4º árbitro: Gabriel Murta Barbosa Maciel; analista de campo: Sandoval Franco Ferreira. 

Campanha

A URT entrou para o gramado apenas para cumprir tabela, pois havia dado adeus à classificação, após o empate em Taguatinga diante do Brasiliense, em 1×1. Esta foi a pior participação da equipe celeste em todas as disputas de Série D, não conseguindo sequer a classificação para a segunda fase.

2016 – URT pela primeira fase, em segundo lugar, jogando contra Volta Redonda, Desportiva Ferroviária e Goianésia. Passou para a fase seguinte, sendo eliminada pelo Volta Redonda.

2017 – Trovão Azul teve a sua melhor participação. Ficou em segundo alugar na primeira fase, enfrentando a Portuguesa Carioca, Itumbiara e Osasco/Audax. Na segunda fase, conseguiu eliminar a Portuguesa Carioca. Enfrentou o Villa Nova na terceira fase e passou à etapa seguinte para enfrentar o Globo, do Rio Grande do Norte. Nessa quarta fase, a URT foi eliminada nos pênaltis. Se conseguisse passar, estaria na Série C do ano seguinte.

2018 – Novamente a URT ficou em segundo lugar na primeira fase, tendo como adversários o Macaé, Itumbiara e Espírito Santo. Na segunda fase, a equipe patense foi eliminada pelo Treze de Campina Grande, na Paraíba, na marca do pênalti.

2019 – Não passou da primeira fase, jogando contra Ituano, Brasiliense e Serra do Espírito Santo.

Lembrando que, pela sua colocação neste ano no Campeonato Mineiro, a URT não conseguiu vaga para a Série D de 2020 e nem vaga para a Copa do Brasil. Assim, daqui a aproximadamente quatro meses, a URT deverá iniciar a montagem do time para uma única disputa no ano que vem, a do Campeonato Mineiro do Módulo I.

Por: Adamar Gomes – Foto: Toninho Cury

Comentários