Alunos da UFU, em Patos de Minas, expõem trabalhos acadêmicos e protestam contra cortes de verba na educação

logo-face
logo-face
Alunos da UFU, em Patos de Minas, expõem trabalhos acadêmicos e protestam contra cortes de verba na educação

Nesta tarde quarta-feira (15), alunos da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), campus Patos de Minas, protestaram contra o corte de gastos promovido pelo Governo Federal, na educação. No entanto, o encontro foi marcado por exposição de trabalhos e pesquisas acadêmicas desenvolvidas na instituição. Eles também aproveitaram o momento para informar a população sobre os trabalhos desenvolvidos na cidade. Professores e servidores compuseram a manifestação e participaram do protesto.

Em entrevista para a equipe da Rádio Clube 98, a estudante Penelopy Costa e Santos, lamentou o corte de verbas e explicou que os alunos serão afetados diretamente. “A universidade depende da verba pública, para continuar com a pesquisa, para continuar com a pesquisa – manter a gente aqui, sabemos, que não é barato. E o corte afeta como um todo para manter a universidade”, comentou.  Outra estudante que conversou com a Rádio Clube 98, foi Sabrina Guedes. Ela também não gostou da decisão do Governo Federal. “Nós já vivemos uma realidade complicada na universidade. Esse corte afetou principalmente os alunos que não moram aqui em Patos, eles vivem de bolsas que os sustentam aqui”, disse.

Representando os professores da UFU, o Clube Notícia ouviu também a técnico em assuntos educacionais Silesia Pereira. Ela demonstrou preocupação com a situação. “Esse foi um momento de mostrar para a comunidade o que é a universidade. Por isso, vamos alertar a comunidade de como esse corte pode nos prejudicar”, disse.

Comentários