Procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, evita polêmicas sobre a lava jato durante palestra em Patos de Minas

logo-face
logo-face
Procurador da Lava Jato, Deltan Dallagnol, evita polêmicas sobre a lava jato durante palestra em Patos de Minas

O Procurador Ministério Público Federal, Deltan Dallagnol, participou do “1º Congresso de Ciências Penais e Segurança Pública de Patos de Minas”. O membro da força tarefa da operação lava jato se pautou pela técnica jurídica durante a palestra e evitou temas políticos e polêmicos. Em entrevista para a Rádio Clube 98, Deltan falou sobre combate a corrupção. “É bom ver que as pessoas apóiam a operação lava jato. Essa não é uma luta só nossa, é uma luta de toda a sociedade brasileira”, disse ao repórter Edvar Santos.

O evento contou ainda com a presença do jurista, professor e Procurador de Justiça do Ministério Público do Estado de Minas Gerais, Rogério Greco; do Promotor de Justiça do MP/SP, Rogério Sanches Cunha; do Promotor de Justiça do MP/MG, Paulo César de Freitas e do Major Novo, do Bope do Rio de Janeiro.

Deltan terminou a palestra dizendo que o “Brasil tem jeito”. Ainda em entrevista ao repórter Edvar Santos, o procurador explicou a frase. “Tem jeito, mas ele precisa ser construído por canais democráticos, das instituições e esforço. Nós temos um longo caminho e não podemos nos eximir dele”, disse.

Comentários