Indivíduos furtam fazenda, em Carmo do Paranaíba, e são presos pela PM

logo-face
logo-face
Indivíduos furtam fazenda, em Carmo do Paranaíba, e são presos pela PM

Dois homens foram presos, em Carmo do Paranaíba, suspeitos de cometer vários furtos na zona rural do município. Os crimes teriam sido praticados na parte da manhã e, à tarde, em várias fazendas, na região de Bravinhos. As mercadorias foram apreendidas e os acusados foram entregues na delegacia de Polícia.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, os militares chegaram até os autores, após receber uma denuncia anônima, relatando que havia dois elementos praticando furtos em fazendas, e que os acusados estavam usando para transportar os objetos furtados um veículo Ford/Del-Rey, cor prata. Após receber as informações, a PM deu início a uma operação com o intuito de abordar e prender os criminosos.

Inicialmente as informações eram de que os indivíduos teriam cometido furtos na parte da manhã levado os produtos até Carmo do Paranaíba e que teriam voltado para a região de Bravinhos no início da noite para continuar furtando mais mercadorias em outras propriedades rurais. Da primeira remessa eles teriam levado de fazendas, de acordo com o denunciante, gaiolas com pássaros, celas para cavalo, máquina para ralar milho verde e de cortar grama, bomba d’água, entre outros materiais.

Com isso, a Polícia Militar deslocou viaturas para as saídas da zona rural que dão acesso às localidades rurais daquela região, sendo que uma viatura deparou com o veículo no Bairro Boaventura Braz, saída dos Brejos. Neste momento os militares deram ordem de parada obrigatória para o condutor do veículo. O motorista deixou o carro desligar o motor e voltar na rua de marcha-ré.

Contudo foi possível visualizar que no interior do carro haviam 3 pessoas, sendo que dois foram reconhecidos como sendo Eloísio Barbosa de Oliveira (tô-tola) e o passageiro do banco dianteiro Gustavo (capivara). No momento em que o passageiro do banco traseiro empurrava o banco para descer do carro, os policiais viram que ele estava com uma arma em mãos.

O indivíduo teria descido do carro com a arma apontada para os militares, que atiraram contra o pneu do carro com um fuzil para revidar a iminente agressão. Em seguida o autor saiu correndo e entrou num matagal. Foi solicitado apoio e durante buscas pelo local os policiais localizaram a réplica de pistola que o suspeito portava.

Já dentro do veículo que os suspeitos estavam foram localizados dois sacos de 50 quilos com mandioca e uma galinha caipira. Em conversa com os autores eles tentaram justificar a procedência dos produtos, mas não conseguiram convencer os militares. Ainda na casa de um dos autores foram encontrados o restante dos materiais furtados na parte da manhã. Os acusados foram entregues ao delegado de plantão e os materiais e o veículo que estava irregular apreendidos. Eloísio que conduzia o automóvel também não possui CHN.

Fonte:Wanderley Gontijo/Fotos:Júlio César

Comentários